Armázem da Morena » Doenças » O que causa espinhas

O que causa espinhas

As espinhas são advindas de uma doença comum na pele, mas precisam ser cuidadas adequadamente. Veja no artigo outras informações e sua Solução.

As espinhas são leões que a pele apresenta como sendo resultado da doença de pele chamada acne. Essas erupções causam desconforto, dor e ainda comprometem a aparência, principalmente quando são maiores e muito inflamadas. O transtorno do aparecimento de espinhas, acomete em maioria os jovens, por causa das alterações hormonais que ocorre nessa fase da vida.

A causa do surgimento das espinhas está na obstrução dos poros da pele. Os pequenos furos, são na verdade aberturas para dar saída ao folículo contido de um pelo e a glândula sebácea, que por sua vez agem lubrificando a pele, além de auxiliar na remoção das células mortas. Quando as glândulas sofrem modificação, passam a produzir uma quantidade excessiva de oleosidade, e por consequência acabam bloqueando os poros.

espinhas

A acne pode desaparecer após a adolescência, ou durar até a meia idade.

Todos os resíduos presentes na pele, como sujeira, células inflamatórias e até mesmo bactérias vão se acumulam cada vez mais e então surge as lesões, também chamadas comedão, que pode ser de cor escura, preta, caracterizando o cravo ou ainda ser de cor branca, especificando a espinha. Ao ser rompido, causa inchaço e vermelhidão. Ainda podem surgir por inflamação profunda, aumentando ainda mais a formar de cistos sólidos.

Outros fatores também pode surtir a acne – produtos cosméticos oleosos, determinados medicamentos como esteroides, alto nível de umidade e suor e as alterações hormonais relacionadas ao ciclo menstrual, gestação, estresse ou uso de anticoncepcionais orais. As pessoas que possuem tipo de pele oleosa, devem aumentar os cuidados, inclusive em relação a alimentação, acrescentando frutas, legumes e verduras.

alimentos gordurosos

Alimentação rica em gorduras, frituras e refrigerantes pode agravar as espinhas.

Também recomenda-se evitar o excesso de bebidas alcoólicas, pois podem dificultar a digestão, comprometendo vários sistemas. A limpeza do rosto deve ser regular, sendo feita duas vezes ao dia, pela manhã e à noite, sempre utilizando os produtos cosméticos específicos para o tipo de pele. Nos casos mais sérios, é importante procurar orientação com dermatologista, que poderá indicar com maior competência, o tratamento mais ideal.

Geralmente são receitados antibióticos orais como doxiciclina e amoxicilina, antibióticos tópicos para aplicação nas regiões afetadas como a eritromicina, e ainda o uso de cremes e/ou gel, para uso único ou associado. Como existem vários níveis de gravidade da acne, em alguns casos pode ser feito um peeling químico, drenagem e remoção de cicatrizes ou injeção de cortisona nas lesões.

Textos relacionados:

O QUE É GLAUCOMA
Herpes Labial Tratamento
Candidíase Tratamento

Quer comentar ?